quinta-feira, 20 de fevereiro de 2014

JOAQUIM ANTÃO

Granja da Silva: 1917
Vimioso: 2009

Mirandês:

Naciu a 17 de Febreiro de 1917 na aldé de la Granja de Silva, pertencente a la freguesie de S. Pedro de la Silba (Miranda de l Douro). Casou an S. Joanico (Bumioso) i ende quedou a residir l resto de la sue bida, acabando por falecer an 2009 nun lar d´idosos na Bila de Bumioso.

L sou pai, l Tiu Zé Antão, fui um popular apreciado Gaiteiro sn Granja de Silba, an pleno coraçon de l Praino Mirandés. Joaquim Antão desde mui cedo fameliarizado culs ambientes spressibos de la música tradecional mirandesa, dedicou grande parte de ls sous tiempos libres a las cousas de la música. fui le legado a la bielha gaita de foles de l pai na qual tenerie sido aquirida pul sou abó por alturas de l´anho de 1930. Naqueilha época era un strumiento berdadeiramente único, d´aspeto mui rudimentar i arcaico mas cun ua particularidade tímbrica, stupenda.


Joaquim Antão era tamien símio na feitura de las palhetas i de ls palhones. L mesmo era frequantamente bejitado por bários gaiteiros de las redondezas para oubtíren nuobas palhetas.


Cunta-se qu´un die, an S. Joanico, Jaoquim Antão an ton poético afirmou:


Se you morrer al ciel Hei-d´ir-me
mas la mie gaita a tocar
i certo yé que ao subir-me
iran ls anjos comigo a beilar...


*******

Português:

Nasceu a 17 de Fevereiro de 1917 na aldeia da Granja de Silva, pertencente à Freguesia de S. Pedro da Silva (Miranda do Douro). Casou em S. Joanico (Vimioso) e aí ficou a residir o resto da sua vida, acabando por falecer em 2009 num lar de idosos na vila de Vimioso.

O seu pai, o Tiu Zé Antão, foi um popular e apreciado Gaiteiro em Granja de Silva, em pleno coração do Planalto Mirandês. Joaquim Antão desde muito cedo familiarizado com os ambientes expressivos da música tradicional mirandesa, dedicou grande parte dos seus tempos livres ás coisas da música. foi lhe legado à velha gaita de foles do pai na qual teria sido adquirida pelo seu avô por alturas do ano de 1830. Naquela época era um instrumento verdadeiramente único, de aspecto muito rudimentas e arcaico mas com uma particularidade timbríca, estupenda.


Joaquim Antão era também exímio na feitura de palhetas e dos palhões. O mesmo era frequantemente visitado por vários gaiteiros das redondezas para obterem novas palhetas.


Conta-se que um dia, em S. Joanico , Joaquim Antão em tom poético afirmou


Se you morrer al ciel Hei-d´ir-me
mas la mie gaita a tocar
i certo yé que ao subir-me
iran ls anjos comigo a beilar...